O chamado cinema western, também popularizado sob os termos "filmes de cowboys" ou "filmes de faroeste", compõe um género clássico do cinema norte-americano (ainda que outros países tenham produzido westerns, como aconteceu em Itália, com os seus western spaghetti). O termo inglês western significa "ocidental" e refere-se à fronteira do Oeste norte-americano durante a colonização. Esta região era também chamada de far west - e é daqui que provém o termo usado no Brasil e Portugal, faroeste (também se usou o termo juvenil bang-bang, na promoção das antigas matinês e de quadrinhos). Os westerns podem ser quaisquer formas de arte que representem, de forma romanceada, acontecimentos desta época e região. Além do cinema, podemos referir ainda a escultura, literatura, pintura e programas de televisão.
Ainda que os westerns tenham sido um dos géneros cinematográficos mais populares da história do cinema e ainda tenha muitos fãs, a produção de filmes deste género é praticamente residual nos tempos que correm, principalmente depois do desastre comercial do filme Heaven's Gate (As portas do céu, em Portugal e O portal do paraíso no Brasil), de Michael Cimino, no início da década de 1980. Contudo, houve ainda alguns sucessos comerciais posteriores que foram, inclusive, galardoados com o Óscar de melhor filme, como Dances with Wolves (Dança com Lobos) de Kevin Costner, ou Unforgiven (Os Imperdoáveis, no Brasil) de Clint Eastwood. Mas os westerns que vêm à memória da maioria dos cinéfilos são, mesmo, os da sua época áurea: os filmes de John Ford, Howard Hawks, entre outros nomes primeiros do cinema.

Contato: jeancarlospassos@hotmail.com
ou sombrasvermelhasfaroeste@hotmail.com

(0XX73) - 9111-3116 - CELULAR DA TIM.
(0XX73) - 9904-5595 - CELULAR DA VIVO.
(0XX77) - 8212-1356 - CELULAR DA CLARO.
(0XX73) - 8892-6531 - CELULAR DA OI.


domingo, 12 de janeiro de 2014

OS INVASORES - Série de TV completa

















A SÉRIE:


Os Invasores ou The Invaders foi uma série de TV norte-americana de ficção científica, criada por Larry Cohen, produzido por Quinn Martin, dirigida grande parte por Paul Wendkos, com tema de abertura composta por Dominic Frontiere, protagonizado basicamente por Roy Thinnes e Kent Smith.

Segundo vários autores a série foi baseado num filme de 1956, feita nos Estados Unidos, dirigida por DonSiegel, chamada "Invasion of the Body Snatchers", estrelado por Kevin McCarthy e Dana Wynter. Esta tese é ainda mais reforçada pois os atores Kevin McCarthy e Dana Wynter participaram em dois episódios da série: The Watchers e The Captive.
  
A série foi apresentado originalmente, nos Estados Unidos, pela rede de televisão ABC, de 10 de janeiro de 1967 até 26 de março de 1968, num total de 43 capítulos, de aproximadamente 50 minutos cada. 
  
A série contou também com as participações de vários artistas convidados como Suzanne Pleshette (Vicki), Edward Andrews (Mark Evans), Lin McCarthy (Fellows), Roy Jenson (Roy Jenson), Rodolfo Hoyos (Miguel), Val Avery (Manager), William Stevens (Cobbs), Ted Gehring (Cabbie), Tina Menard (Mama), Tony Davis (Boy), Roberto Contreras, Pedro Regas (Beggar), entre outros.
  
O primeiro episódio da série chamada "Beachhead" iniciava com um fundo musical de dar arrepios, assinado pelo mestre Dominic Frontiere e o cenário de uma localidade deserta, escura, abandonada, percorrida por um Ford Sedan prateado, com teto de vinil branco, dirigido por David Vince, interpretado por um ator até então desconhecido chamado Roy Thines.
  
Começava assim a fantástica saga de David Vincent, um homem comum, um arquiteto bem-sucedido, que de forma inusitada, ao presenciar e testemunhar a aterrissagem de um disco voador, uma nave de outra galáxia, mudaria totalmente a sua vida. Por exatos 43 episódios, David Vincent passaria a ter dois únicos objetivos na vida: de forma desesperada, tentaria evitar os planos de invasão da Terra e procuraria um meio de convencer um mundo descrente de que o pesadelo já havia começado. 
  
Os invasores eram seres de um planeta que estava para ser extinto e já se encontravam entre nós, haviam tomado a forma humana e tinham iminentes planos de invasão em massa para fazer da Terra o seu mundo. Apesar de se confundirem com a aparência humana, os invasores não tinham pulsação, não apresentavam batidas cardíacas, não possuíam sangue nas veias e alguns apresentavam uma notável deformidade no quarto dedo das mãos, causada por um erro de cálculo no processo de mutação para a forma humana. 
  
Após algum tempo na forma humana, precisavam se regenerar em gigantescos tubos movidos por geradores potentíssimos de tecnologia alienígena e brilhavam feito incandescentes antes de morrer, eram pulverizados e não deixavam rastros ou sinais de suas presenças na forma humana. Os episódios que compõem toda a trama é centrado numa personagem inicialmente tido como um lunático pela opinião pública.
  
Um arquiteto que é motivo de chacota em todo lugar que aparece, mas que representa o que parece ser a única tábua de salvação para uma humanidade descrente. Um personagem solitário que enfrenta uma raça de seres invasores que objetivam o domínio pleno do mundo terreno. 
  
No Brasil esta série era distribuído pela TV Interamericana do Brasil, com dublagens da TV Cinesom/RJ. Em 1995 uma espécie de continuação da série foi produzida, uma mini-série com 4 horas de duração, dividida em duas partes. Era protagonizado por Scott Bakula como Nolan Wood. Nesta mini-série Roy Thinnes, agora já bem envelhecido fez uma participação bem discreta interpretando novamente o arquiteto David Vincent, revivendo o polêmico personagem dos anos 60.



SÉRIA DE TV COM QUALIDADE DIGITAL. 


IMAGEM E SOM PERFEITOS.


9 DVD'S. 43 EPISÓDIOS.  SÉRIE COMPLETA.


TODOS OS EPISÓDIOS COLORIDOS. 


VERSÃO LEGENDADA  COMPLETA EM 9 DVD'S.

VERSÃO DUBLADA COMPLETA EM 9 DVD'S.

TODAS AS DUAS VERSÕES SÃO DIGITALIZADAS DE QUALIDADE EXCELENTE.







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Problemas? Sugenstões? Dúvidas? Informe... jeancarlospassos@hotmail.com